O sonho do deserto da Jordânia vai se realizar


             " O homem de caráter sente-se especialmente atraído pela dificuldade,pois é só compreendendo a dificuldade que realiza suas potencialidades".- Charles de Gaulle

Agora faltam algumas horas para tornar real um sonho, correr no deserto de Wadi Rum na Jordânia.

Ir correr na Jordânia será especial pois vou passar por regiões históricas, dormir nas mesmas tendas onde os beduínos dormem, me conectar com um lugar com animais exóticos e respirar o desafio de passar por lugares extremos.

Será a minha sétima experiência em desertos, e quando falamos em desertos vem logo na nossa mente dunas, calor e lugares sem vida.

Mas os desertos podem ser gelados como na Antártida, seco como no Atacama, úmido como em Gobi e
quente como no Saara e ficar em lugares onde poucos seres humanos conseguem sobreviver, como os
esquimós, os índios Atacamenhos e os beduínos.

Há muita vida nos desertos, tem muitas serpentes, lagartos, pinguins, aves,cabras,camelos e até cavalos
selvagens.

Eu busco esse entusiasmo que existe nesses lugares, mesmo sendo tão hostil para grande parte da população mundial, os desertos são lugares que nos desafiam e ajudam a expandir nosso potencial intelectual.

Quando me perguntam  se eu vou ser campeão, eu respondo, já estou comemorando a vitória de poder
chegar na linha de chegada de um grande deserto como o Wadi Rum ou vale elevado, cada paisagem, cada subida e descida, cada animal que tenho oportunidade de visualizar, os amigos atletas e a população local, são minhas medalhas.

Apesar de ser meu sétimo deserto, eu sinto a mesma emoção e o frio na barriga nesses momentos que
antecedem a grande largada, estou para completar 19 anos de carreira mas o meu entusiasmo é o mesmo
de quando estava na primeira corrida de 10 km na Vila Prudente em São Paulo.

Muitas coisas mudaram nos últimos anos, provas que completei, desafios que conquistei, provas não
superadas, amigos feitos, meu filho que cresce e me deixa ainda mais feliz, um grande amor surgiu para me
impulsionar e minha mãe que partiu para deixar uma saudade infinita no meu coração.

Mas não mudou a minha gana de ir de encontro ao novo, a paixão pelo desafio, o amor pela vida, a fé no meu trabalho, amor pela minha familia e a certeza que as escolhas que fiz foram realmente as mais certas na minha vida.

Dia 13 de maio de 2012 eu estarei iniciando essa jornada de 250km que irá durar 7 dias na Jordânia, minhas passadas será uma homenagem a minha querida mãe que sempre acreditou que eu poderia  realizar meus sonhos.

Temos o brasileiro Marcelo Musial do Rio de Janeiro que irá correr a prova, o Brasil no meio do Oriente Médio tudo dará certo.

Para quem acertar em quantas horas ou chegar o mais próximo do número de horas que eu vou correr a prova da Jordânia, ganha um kit de material esportivo contendo um tênis, camiseta, shorts, boné, e par de meias  além de uma inscrição para ultramaratona 6 horas São Bernardo do Campo é só enviar um comentário aqui no blog até dia 20 de junho.
48 horas-53 horas- 60 horas 70 horas

Quero agradecer o patrocínio da Tegma Gestão Logística da Skechers  e os apoios da loja Mundo Corrida, Dr.Rogério Neves Lab Sports, farmácia Galo de Ouro e do meu treinador Herói Fung .

Para acompanhar a prova e enviar mensagens aos brasileiros acesse o site www.carlosdiasultra.com.br